quinta-feira, 2 de agosto de 2007

O Amor nos Tempos do Cólera - G. G. Márquez

Editora: Record
ISBN: 978-85-0102-872-3
Opinião★★★★☆
Páginas: 429

“Era ainda jovem demais para saber que a memória do coração elimina as más lembranças e enaltece as boas e que graças a esse artifício conseguimos suportar o passado.”


         “Sem propor a si mesmo, sem nem saber, demonstrou com sua vida a razão que tinha o pai, que repetiu até o último suspiro que não havia ninguém com mais sentido prático, nem pedreiros mais obstinados nem gerentes mais lúcidos e perigosos do que os poetas.”


         “Contudo, Florentino Ariza descobriu a parecença muitos anos depois, enquanto se penteava na frente do espelho, e só então compreendeu que um homem sabe que começa a envelhecer porque começa a parecer com o pai.

Nenhum comentário: